USOS DA ÁGUA E CONFLITOS SOCIOAMBIENTAIS NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO CAETÉ (AMAZÔNIA PARAENSE): TIPOLOGIA DE USOS E USOS COMPETITIVOS

Francisco Émerson Vale Costa, Daniel Sombra, Carlos Alexandre Leão Bordalo

Resumo


O artigo identifica os principais tipos de uso da água presentes na bacia hidrográfica do Rio Caeté, categorizando-os por tipologia, e apresentando o caso de usos competitivos. Usos competitivos ocorrem situações em que uma forma de uso compromete outra sem que haja disputa explícita entre os atores envolvidos. Nessas situações, há um conflito potencial, mas não de fato. Trata-se, portanto, de uma contribuição para a gestão dos recursos hídricos e das bacias hidrográficas na Amazônia brasileira, a partir do caso desta bacia situada no nordeste do estado do Pará, à luz da perspectiva da análise dos conflitos socioambientais, nesse caso, latentes. Como procedimentos metodológicos para a identificação dos usos, foram realizados trabalhos de campo nos de 2015, 2016 e 2017, acompanhados de posterior elaboração e síntese cartográfica no Laboratório de Análise Ambiental e Representação Cartográfica (LARC/NUMA/UFPA), além de pesquisa documental (sobre dados secundários disponibilizados por instituições de gestão (SEMAS/PA, CPRM e IBGE).


Palavras-chave


Conflitos socioambientais; Rio Caeté; Usos da água.

Texto completo:

PDF

Referências


BORDALO, C. A. L. O paradoxo das águas: o caso da Amazônia brasileira. GeoUSP, São Paulo, v. 21, n. 1, p. 120-137, 2017.

BORDALO, C. A. L.; FERREIRA, D.; SILVA, F. Conflitos socioambientais pelo uso da água em comunidades ribeirinhas no nordeste paraense: o caso das bacias hidrográficas dos Rios Murucupi e Dendê no município de Barcarena-PA. In: Anais do XVII Simpósio Brasileiro de Geografia Física Aplicada, Unicamp, Campinas, 2017.

CANTO, O.; ALMEIDA, J.; BASTOS, R. Z.; FARIAS, A.; MENEZES, J. Mineradora Alcoa: território e conflito no município de Juruti, Pará-Amazônia-Brasil. GeoAmazônia, Belém, v. 3, n. 5, p. 63-79, 2015.

CAVALCANTE, M. M. A.; NUNES, D. D.; SILVA, R. G. C.; LOBATO, L. C. H. Políticas territoriais e mobilidade populacional na Amazônia: contribuições sobre a área de influência das hidrelétricas no Rio Madeira, Rondônia/Brasil. Confins, São Paulo, n. 11, p. 1-17, 2011.

CORDOBA, D.; JUEN, L.; SELFA, T.; PEREDO, A. M.; MONTAG, L. F. A.; SOMBRA, D.; SANTOS, M. P. D. Understanding local perceptions of the impacts of the large-scale oil palm plantations on ecosystem services in the Brazilian Amazon. Forest Policy and Economics, v. 109, n. 3, p. 1-11, 2019. DOI: 10.1016/j.forpol.2019.102007.

COSTA, F. E. V. Uma experiência amazônica de gestão dos recursos hídricos: a criação do comitê de bacia hidrográfica do rio Tarumã-Açu, Manaus – AM – Brasil. 132f. Dissertação (Mestrado em Geografia), Universidade Federal do Pará, Belém, 2011.

COSTA, F. E. V. Gestão dos recursos hídricos na bacia hidrográfica do rio Caeté/Pará Brasil. 313f. Tese (Doutorado em Geografia), Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 2017.

COSTA, F. E. V.; SOARES, D. A. S.; BRASIL, A. P. M. S.; SILVA, S. L. B.; RODRIGUES, V. V.; CYRUS, A. R. C.; URBANO, F. W.; PEREIRA, S. C. O. N.; PAZ, M. M. A complexidade da questão dos rios urbanos nas cidades amazônicas: o caso de Belém/PA. In: RIBEIRO, W. O.; BRASIL, A. P. M. S.; COSTA, F. E. V. (Org.). Cidades amazônicas: formas, processos e dinâmicas recentes na região de influência de Belém. Belém: EDUEPA, 2021, p. 240-274.

CRUZ, R. H. R. Impactos socioambientais da produção de palma de dendê na Amazônia paraense: uso de agrotóxicos e poluição ambiental nas sub-bacias hidrográficas, Tailândia (PA). 106f. Dissertação (Mestrado em Gestão de Recursos Naturais e Desenvolvimento Local da Amazônia), Universidade Federal do Pará, Belém (PA), 2018.

FENZL, N.; SOMBRA, D.; CANTO, O.; FARIAS, A.; NASCIMENTO, F. Os “grandes projetos” e o processo de urbanização na Amazônia brasileira: consequências sociais e transformações territoriais. InterEspaço, Grajaú, v. 6, p. 1-25, 2020. DOI: 10.18764/2446-6549.e202002.

GORAYEB, A. Análise integrada da paisagem na bacia hidrográfica do rio Caeté – Amazônia Oriental – Brasil. 204 f. Tese (Doutorado em Geografia), Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2008.

GORAYBE, A.; PEREIRA, C. C. Análise integrada das paisagens de bacias hidrográficas na Amazônia Oriental. Fortaleza: Imprensa Universitária, 2014.

GUSMÃO, L. H. A.; HOMMA, A. K. O.; WATRIN, O. S. Análise cartográfica da concentração do cultivo de mandioca no estado do Pará, Amazônia brasileira. Geografia, Ensino e Pesquisa, Santa Maria, v. 20, n. 3, p. 51-62, 2016.

GUSMÃO, L. H. A.; SOMBRA, D.; COSTA, F. E. V. Análise dos conflitos por água no espaço agrário paraense (2013-2016). Sociedade e Território, Natal, v. 32, n. 2, p. 47-69, 2020. DOI: 10.21680/2177-8396.2020v32n2ID21142.

LANNA, A. E. L. Gestão dos recursos hídricos. In: TUCCI, C. E. M. (Org.). Hidrologia: ciência e aplicação. 3ª ed. Porto Alegre: EDUFRGS 2002.

LEITE, A. S.; SOMBRA, D.; CASTRO, C.; LOBATO, M. Atividade mineradora e transporte marítimo de longo curso: contribuições para a análise da integração internacional da Amazônia paraense pela perspectiva da renda. Revista do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, Belém, v. 4, n. 2, p. 38-56, 2018. DOI: 10.17648/ihgp.v5i01.48.

LIMA, L. M.; SILVA, C. N.; PAULA, C. Q.; SOARES, D. A. S. Large hydroelectric projects in the Araguari River basin: territorialities, impact and resistance of Amapá’s fishing (Amazon, Amapá, Brazil). International Journal of Development Research, v. 10, n. 8, p. 38681-38689, 2020. DOI: 10.37118/ijdr.19604.08.2020.

LIMA, K. S.; SOARES, D. A. S.; COSTA, F. E. V.; CRUZ, R. H. R. Recursos hídricos e monocultura de palma: a problemática socioambiental no caso do Rio Uesugi, em Igarapé-Açu (Pará/Brasil). GeoAmazônia, Belém, v. 7, n. 13, p. 142-167, 2019.

PIRAUX, M.; SOMBRA, D.; SIMÕES, A. V. A diversidade socioespacial do território do Baixo Tocantins e impactos na agricultura familiar. In: SIMÕES, A.; BENASSULY, M. (Org.). Na várzea e na terra firme: transformações socioambientais e reinvenções camponesas. Belém: NUMA/UFPA, 2017, p. 77-114.

QUARESMA, M. J. N. Usina hidrelétrica de Belo Monte: da modernização do território à reconfiguração das escalas de poder. 138f. Dissertação (Mestrado em Geografia), Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2016.

ROCHA, G. M.; SOARES, D. A. S.; MORAES, S. C. Dinâmicas territoriais na zona costeira do estado do Pará, Amazônia Brasileira. Confins, São Paulo, v. 42, 2019. DOI: 10.4000/confins.24132.

ROCHA, G. M.; SOUZA, G. B. N.; SOARES, D. A. S. Unidades de paisagem e morfologia na zona costeira. In: ROCHA, G. M.; MORAES, S. C. Uso do território e gestão da zona costeira do estado do Pará. Belém: NUMA/UFPA, 2018, p. 35-47.

RODRIGUES, E. B. Território e soberania na globalização: Amazônia, jardim de águas Sedento. 406f. Tese (Doutorado em Geografia), Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

SANTOS, M. C.; CANTO, O.; BASTOS, R. Z.; FENL, N.; TUPIASSU, L.; SOMBRA, D. Conflito e gestão ambiental na zona costeira amazônica: o caso da Vila de Camará, Reserva Extrativista (RESEX) Mestre Lucindo, Marapanim – Pará – Amazônia – Brasil. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 6, n. 3, 15607-15617, 2020. DOI: 10.34117/bjdv6n3-439.

SEMAS. Secretaria de Estado de Meio Ambiente e sustentabilidade do Pará. Programa de Gerenciamento de Recursos Hídricos do Estado do Pará. Belém: SEMAS, 2012.

SILVA, G. A.; SIMÕES, R. A. G. Água na Indústria. In: REBOUÇAS, A. C.; BRAGA, B.; TUNDISI, J. G. (org.). Águas doces no Brasil. São Paulo: Escrituras, 2006, p. 366-369.

SOARES, A. A. S.; CARVALHO, A. C.; SOARES, D. A. S.; BASTOS, R. Z. Fundamentos para a gestão das inundações periódicas nas planícies de Belém (Pará-Brasil) com vistas ao seu desenvolvimento local. Contribuciones a las Ciencias Sociales, Málaga, v. 39, p. 1-20, 2018.

SOARES, D. A. S.; MORAES, S. C.; LOBATO, M. M.; MORAES, M. P.; ALVES, C. N.; LIMA, B. R. G. Dinâmicas territoriais e uso da terra no município de Terra Alta (Pará-Brasil) – 1950 – 2010. GeoAmazônia, Belém, v. 5, n. 10, p. 41-67, 2017.

SOMBRA, D. O patrimônio fundiário da União na zona costeira do estado do Pará: sobreposições entre público e privado. IN: DUARTE, A. M.; SOARES, D. A. S.; NASCIMENTO, D. M.; ANGELIM, E. C. S.; OUTEIRO, G. M.; TRINDADE, M. M. S.; SILVA, M. C. C.; SANTOS, M. S. C. Regularização fundiária na Amazônia Legal: êxitos, impasses e desafios para as cidades. Belém: NAEA/UFPA, 2020, p. 68-107.

SOMBRA, D.; MOTA, G. S.; LEITE, A. S.; CASTRO, C. J. N. A reterritorialização pesqueira no estado do Pará: reprodução contraditória das relações capitalistas. Revista de Geografia, Recife, v. 35, n. 2, 2018.

TABOSA, R.; SOMBRA, D.; LEITE, A.; CASTRO, C. Revisão histórico-geográfica da gestão pública sobre o abastecimento hídrico de Belém-PA. InterEspaço, Grajaú, v. 2, n. 5, p. 196-220, 2016. DOI: 10.18766/2446-6549/interespaco.v2n5p196-220.

TELLES, D. D.; DOMINGUES, A. F. Água na agricultura e pecuária. In: REBOUÇAS, A. C.; BRAGA, B.; TUNDISI, J. G. (org.). Águas doces no Brasil. São Paulo: Escrituras, 2006, p. 325-365.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN online 2595-9239